Notícias

A música completa de despedida de O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos

By 16 de novembro de 2014 3 Comments
A WaterTower Music divulgou online a versão completa da nova canção de Billy Boyd (sim, o hobbit Pippin de O Senhor dos Anéis). Intitulada “The Last Goodbye” (“O Último Adeus”, em tradução livre), a música estará nos créditos finais de O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos, o capítulo final da segunda trilogia de Peter Jackson baseada na mitologia de J.R.R. Tolkien.

 

 

Estamos focados não apenas na parte final“, disse Boyd, “mas muito mais nessa aventura épica de 10 anos. Uma canção para resumir os seis filmes“. Parece que O Hobbit é a última incursão de Peter Jackson no universo criado por J.R.R. Tolkien (boa notícia para alguns, má notícia para outros), o que traz um duplo significado para a música.

Acompanhe com a letra:

I saw the light fit from the sky

On the wind I had aside
As the snowflakes covered my fallen brothers
I will say this last goodbye

Night is now falling
So is this day
The road is now calling
And I most away
Overhill and undertree
Trough lands whenever light is shining
By silver streams
That rounds down to the sea

Under cloud, beneath the stars
Over snow and winters warm
I turn it last to past that lead home
And roll in the road it takes me
I cannot tell, we came all this way
But now comes the day
To bid you farewell

Many places I have been
Many sorrows I have seen
But I don’t regret
Nor will I forget
All that took that road with me

Night is now falling
So is this day
The road is now calling
And I most away
Overhill and undertree
Trough lands whenever light is shining
By silver streams
That rounds down to the sea

Towards this memories I will hold
With your blessing I will go
To turn it last to past that we’d hold
And roll and road it takes me
I cannot tell, became all this way
But now comes the day
To bid you farewell

I’ll bid you all a very fond farewell

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos estreia no Brasil em 11 de dezembro de 2014.

3 Comments

  • Jorge Oyafuso disse:

    Minha versão traduzida: 🙂

    Na brisa ouvi um suspiro
    Enquanto a neve cobre meus irmãos caídos
    Vou dizer esse último adeus

    Agora a noite cai
    E assim termina esse dia
    A estrada me chama
    E devo agora ir
    Pelo monte e dentre as árvores
    Em terras onde a luz nunca brilhou
    Por riachos em prata que correm ao mar adentro

    Sob nuvem abaixo das estrelas
    Na neve numa manhã invernal
    Me vou por caminhos rumo ao meu lar
    E por onde enfim a estrada me levar,
    Não sei dizer
    Viemos por todo esse caminho
    Mas é chegada a hora
    De dizer adeus

    Em muitos lugares estive
    Muitas tristezas vivi
    Mas não me arrependo
    Nem vou me esquecer
    De todos que tomaram esse rumo comigo

    Agora a noite cai
    E assim termina esse dia
    A estrada me chama
    E devo agora ir
    Pelo monte e dentre as árvores
    Em terras onde a luz nunca brilhou
    Por riachos em prata que correm ao mar adentro

    Nessas lembranças vou me apegar
    Com suas bênçãos eu vou partir
    Me vou aos caminhos rumo ao meu lar
    E por onde enfim a estrada me levar,
    Não sei dizer
    Viemos por todo esse caminho
    Mas é chegada a hora
    De dizer adeus

    Eu me despeço carinhosamente de todos vocês.

  • A sua tradução está muito boa. Suponho que você tenha tirado de ouvido, porque a letra do site tem vários erros que não aparecem na sua tradução, como no "And I most away" que deveria ser "And I must away" e em "I cannot tell, became all this way" que deveria ser "I cannot tell, we came all this way".

Leave a Reply